Visitantes do jornal Na Boca do Povo online

22 de março de 2014

Homem morre próximo ao Gauchão em Bom Jesus





Um homem morreu atropelado no km 405 da BR 381, em frente ao Gauchão  em Bom Jesus do Amparo.

            O atropelamento aconteceu por volta de 5:30 hs do dia 22.

            De acordo com testemunhas, o homem não era conhecido na região, podendo se tratar de um andarilho.

            O veículo evadiu-se do local, não sendo identificado.

20 de março de 2014

Ordem de serviço para asfaltamento em São José e Una será dia 25

 A Prefeitura de São Gonçalo do Rio Abaixo assinará na próxima terça-feira (25) as ordens de serviço para retomada do asfaltamento da estrada de acesso à comunidades  do Una e São José.

A obra ficou paralisada devido a problemas com a empresa vencedora da licitação. Agora, a empresa Vale Verde assume o serviço pelo asfaltamento do acesso à comunidade do Una (trecho entre a avenida do Contorno até a localidade).

Já o asfalto de São José será executado pela empresa Santa Fé. A obra beneficiará também as comunidades de Borges e Cachoeira do Carmo e o trecho a ser asfaltado segue da BR-381 até o trevo de Borges. 


19 de março de 2014

Descaso de Policiais Militares de São Gonçalo


No inicio da noite do dia 19, moradores da localidade rural de Ponte Coronel acionaram a Polícia Militar de São Gonçalo, onde uma mulher portadora de doença mental se encontrava desnorteada em um barranco as margens do ribeirão. Após diversas tentativas frustradas dos moradores, nossa reportagem entrou em contato com a Policia através do celular da viatura e questionando a negativa de comparecer na comunidade, perguntando se não era dever da policia preservar a integridade física de todo cidadão, tivemos uma decepção ao ouvir do Soldado Arilson, que não tinham a obrigação de socorrer doente mental. Quando mencionado as dificuldades para retirar a mulher de onde estava, mencionamos novamente a necessidade da presença dos militares junto a equipe do Centro de Saúde e tivemos outra negativa do Soldado Arilson, agora o problema foi a hora, não poderiam entrar no local a noite. Moradores atravessaram o ribeirão, entraram no mato, subiram no barranco e retiraram a mulher do local. O policial alegou ainda que a mulher não oferecia risco, como ele pode garantir isso? Ela poderia oferecer risco contra sua própria vida? Quem pode saber? Durante os questionamentos, a ligação caiu e a partir daí o telefone ficou somente fora de área ou desligado, durante algum tempo, conseguindo contato novamente cerca de uma hora depois, quando fomos atendidos pelo Soldado Marcos, que mais uma vez negou comparecer ao local.  Postamos a reclamação no Facebook e cerca de 10 minutos depois o Sargento Oscar ligou para a redação do Jornal Na Boca do Povo, dizendo que iria averiguar do que se tratava, mas deixou um recado: _Cuidado com o que postam. Será que não temos o direito de reclamar quando não somos atendidos?

Depois da postagem no facebook, recebemos  diversas reclamações de moradores da Zona Rural e também do Centro, informando que não é a primeira vez que isso acontece, que alguns Policiais vem se negando a atender chamados já a algum tempo. Vale ressaltar que isso ocorre no plantão de alguns militares e que uma boa parte dos militares que atuam em São Gonçalo, atendem a população prontamente.

5 de março de 2014

Mulher tenta vender brincos parecidos com folha de maconha no Carnaval de Barão

A Polícia Militar reforçou o efetivo para  as festividades do Carnaval de
Barão de Cocais, apresentação do grupo Molejo

Apesar disso, a vendedora ambulante Elisângela da Paixão Silva,  34 anos,
natural do Estado do Pará, montou uma pequena banca de produtos de
"artesanato" na entrada do evento e dentre eles, brincos em plásticos e
cobre com folhas parecidos a denominada Cannabis Sativa, conhecida
popularmente como "maconha".

Fazer publicamente, apologia a crime ou a fato criminoso constitui crime,
previsto no art 287 do Decreto Lei n° 2848/40 com pena de detenção
detenção, de 3 (três) a 6 (seis) meses, ou multa.

Policiais do serviço de inteligência já estavam monitorando a ambulante e
perceberam quando ela expunha e tentava vender os produtos e acionaram os
militares de serviço no evento.

Ao ser dado buscas em seus objetos pessoais, foram encontrados 08 (oito)
brincos com a flor parecida com maconha.

Elisângela se exaltou e começou a dizer palavras de baixo calão aos
militares de serviço, o que configura crime de desacato a Agente da
Autoridade Policial. Em ela seguida resistiu a abordagem policial e
desobedeceu ordem de busca pessoal.

Foi necessário o uso de técnicas de imobilização temporariamente na pessoa
da ambulante até que ela se acalmasse-se e fosse lavrada a ocorrência
policial.

O registro foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Itabira e
os produtos de apologia ao crime foram apreendidos e serão entregues
posteriormente na Delegacia de Barão de Cocais.

A autora afirmou que não tem residência fixa e que atualmente está abrigada
na Praça Nossa Senhora Aparecida.

No Carnaval haviam centenas de crianças e adolescentes que poderiam
comprar os "brincos" e a autora poderá responder por crime de desacato,
desobediência, resistência e apologia de fato criminoso ou de autor de
crime.

Blitz educativa contra a dengue em Monlevade

A Secretaria Municipal de Saúde, através da Vigilância em Saúde – VISA, realizará amanhã, 22, de 8 às 11 horas, uma campanha de conscientização sobre a dengue. As intervenções ocorrerão no semáforo da Avenida Wilson Alvarenga, em frente ao Banco Santander, no semáforo da Avenida Getúlio Vargas, no cruzamento com a rua Geraldo Miranda, no Hiper Comercial Monlevade e no Supermercado Fraga, no Cruzeiro Celeste. O objetivo do movimento é chamar a atenção das pessoas sobre a importância de se eliminar os possíveis focos de dengue no município. A blitz é uma oportunidade para conversar com população e pedir a colaboração de todos para eliminar os focos do mosquito em suas residências. A equipe da VISA está intensificando ainda mais os trabalhos de conscientização da população nessa luta contra a doença. As situações de risco podem ser denunciadas pelo telefone 3852-3021. A dengue pode roubar momentos importantes do seu dia e, até mesmo, a sua vida.

Requerimentos para melhorias em campos de futebol são aprovados

Os vereadores de São Gonçalo do Rio Abaixo aprovaram dois requerimentos da presidente da Câmara Luciana Bicalho. As matérias foram votadas durante a reunião ordinária da Câmara de São Gonçalo realizada na noite dessa quinta-feira, 20. Os requerimentos de número 16 e 17 solicitam a instalação de bebedouros, construção de vestiários e banheiros nos campos de futebol das Comunidades de São José e Santa Rita de Pacas. De acordo com Luciana, a obra irá contribuir para o conforto dos praticantes de esporte destas regiões.

Prefeitura de Monlevade vai recapear área do Velório Municipal

A Secretaria Municipal de Administração publicou hoje, 20, edital para contratação de empresa que executará o recapeamento asfáltico no estacionamento e na área de acesso a veículos do Velório Municipal. A licitação será na modalidade Tomada de Preços e ocorrerá no dia 10 de março, às 14 horas, no Auditório da Prefeitura de João Monlevade. A previsão da Secretaria Municipal de Obras é de que os serviços tenham o custo de R$ 62.346,90 e que sejam concluídos em 15 dias, a contar da ordem de serviço.

Vale realiza campanha de segurança ferroviária na EFVM

A Vale vai realizar campanha educativa de segurança ferroviária ao longo da Estrada de Ferro Vitória a Minas (EFVM) entre os dias 24 e 27 de fevereiro. O objetivo da ação é reforçar a importância de se adotar comportamentos e atitudes seguras nas proximidades da linha férrea, em especial no período do Carnaval, quando há um fluxo maior de pessoas e veículos nesses locais. Programada para ocorrer em passagens em nível (PNs) - que são os locais onde há cruzamento entre a ferrovia e as vias tradicionais -, passagens inferiores, passarelas e viadutos instalados ao longo da Vitória a Minas, a ação envolverá distribuição de panfletos com dicas de segurança ferroviária para motoristas, motociclistas e pedestres. Além de contar com informações importantes sobre o assunto, o material poderá ser utilizado, também, como uma máscara para brincar durante as festividades de Momo. Tendo como base o slogan "Perto da ferrovia fique de olhos bem abertos", a campanha contará ainda com minidoors, cartazes e spots em rádios localizadas nos municípios onde haverá a ação. A expectativa é que a iniciativa da Vale atinja, em média, 8 mil pessoas. Trem de passageiro Além de percorrer diferentes pontos da linha férrea, a campanha de segurança embarcará também no Trem de Passageiro que faz o percurso entre o Espírito Santo e Minas Gerais diariamente. No dia 27/2, das 8h às 14h, a ação será realizada na composição que parte da estação ferroviária Pedro Nolasco, em Cariacica (ES), com destino a Belo Horizonte. E, no mesmo dia, das 15h às 19h30, a atividade irá contemplar os passageiros que viajam da capital mineira com destino ao Espírito Santo. Em ambos os casos, empregados da Vale irão interagir com os passageiros que estiverem viajando entre os municípios de Fundão (ES) e Governador Valadares (MG). Realizada anualmente pela Vale como forma de reforçar o comportamento seguro nas proximidades da linha férrea, a campanha de segurança ferroviária ocorrerá em pontos específicos de diferentes municípios ao longo da ferrovia Vitória a Minas. Em Minas Gerais, serão contempladas as cidades de Aimorés (Centro), Resplendor (Centro e bairro São Sebastião), Belo Oriente (Cachoeira Escura), Governador Valadares (nos distritos de Baguari e Derribadinha e no bairro Cardo), Tumiritinga, Rio Piracicaba (Bicas), Itabira (Areão, Vila Amélia, Pará e na Mina do Cauê), Catas Altas (Centro), Barão de Cocais (Garcia I), Antônio Dias e Santana do Paraíso. Já no Espírito Santo, a ação será realizada em Serra (Central Carapina), Cariacica (Flexal), Ibiraçu (Aricanga), Fundão (Centro), Colatina (Maria Ortiz e Itapina) e Baixo Guandu (Centro e bairro Mauá). Dicas de segurança - Pare, olhe e escute: motoristas, ciclistas e pedestres devem atentar para a sinalização quando estiverem perto da linha de trem; - Não estacione perto da linha de trem; - Não pegue carona no vagão, mesmo se ele estiver parado; - Não brinque e nem descanse na linha férrea; - Não jogue pedra no trem; - Não descarte lixo na ferrovia; - Cuidado com redes de alta tensão próximas às linhas de trem; - Em situações de risco próximo à ferrovia, ligue Alô Ferrovias 0800 285 7000

Lei de Incentivo a Cultura recebe inscrições para projetos em São Gonçalo

A Lei Municipal de Incentivo à Cultura de São Gonçalo do Rio Abaixo recebe entre os dias 24 de fevereiro a 9 de abril inscrições para projetos culturais. O município é uma das cidades mineiras que destina até 1% da renda tributária para patrocinar iniciativas culturais em várias áreas. A legislação foi criada para garantir e canalizar recursos municipais para o desenvolvimento do setor cultural e permite a participação de qualquer pessoa física ou jurídica, domiciliadas no município de São Gonçalo do Rio Abaixo há no mínimo 2 anos, com atuação comprovadamente na área cultural. A proposta visa estimular a produção, distribuição e o acesso a produtos culturais como CDs, DVDs, espetáculos musicais, teatrais, de dança, filmes e outras produções na área audiovisual, além de exposições, livros, jornais, revistas e outras publicações nesse segmento. Também enquadram-se na lei projetos que visem proteger e conservar o patrimônio histórico e acervos artísticos, ou aqueles que estimulem a produção e difusão da diversidade cultural no município. Os interessados devem observar as exigências dispostas no edital 01/2014 e instrução normativa que estará disponível para consulta e download no site www.saogoncalo.mg.gov.br. Para concorrer ao beneficio, o proponente deverá apresentar projeto artístico-cultural junto à Secretaria Municipal de Cultura para avaliação de Comissão de Análise de Projetos Culturais. Os projetos poderão ser inscritos em uma das treze áreas disponíveis no edital da Lei Municipal de Incentivo à Cultura, tais como, Artes Gráficas, Artes Plásticas, Artesanato, Cinema e Vídeo, Dança, Filatelia, Folclore, Fotografia, Gastronomia, Literatura, Música, Teatro e Patrimônio Cultural, Imaterial e Natural. Entre os critérios considerados para avaliação e seleção de projetos no edital, estão os aspectos artístico-culturais, a viabilidade técnica do projeto, detalhamento orçamentário e benefício gerado para a comunidade onde o projeto será realizado. Treinamento Como ocorre todos os anos, haverá treinamento para capacitação de proponentes no edital da lei de incentivo à cultura, que será realizado no dia 12/03/2014, de 9h ás 16h, no Centro Cultural. Os interessados deverão baixar a ficha de inscrição no site e enviar para o e-mail leideincentivo@saogoncalo.mg.gov.br até o dia 06/03/2013. Informações: leideincentivo@saogoncalo.mg.gov.br ou (31) 3820-1903.

Recapeamento asfáltico no bairro Paineiras

A obra integra pacote de vias contempladas pelo asfaltamento iniciado no último ano em Monlevade A Prefeitura de João Monlevade, através da Secretaria Municipal de Obras, realiza recapeamento asfáltico nas ruas José Silvério, Luciano Moreira Machado e Francisco Moreira Machado, no bairro Paineiras. Este trabalho é a continuidade dos serviços oriundos do aditivo do contrato com a empresa Engepav, no valor de R$ 962.319,72, que beneficia 13 vias em diversos bairros no município. Pelo contrato original, no valor de R$4.596.250,07, mais de 30 vias foram contempladas pelo asfaltamento. Em trechos das ruas Luciano Moreira Machado e Francisco Moreira Machado o DAE realizou serviço na rede de esgoto e rebaixou a rede pluvial. Além disso, a Secretaria Municipal de Obras prepara a base da via para que o serviço de recapeamento asfáltico seja realizado com qualidade e segurança.

Prefeitura de Monlevade inicia licitação para mototaxistas

Durante todo o dia 18, ocorreu o processo licitatório, na modalidade concorrência, objetivando selecionar pessoas físicas para exploração, mediante a outorga de permissão da Prefeitura Municipal João Monlevade, para Prestação de Serviços de Transporte Individual Remunerado de Passageiros em motocicletas – Mototaxi – no município, quando 50 interessados participaram do processo. Os envelopes com a documentação dos interessados foram abertos, sendo rubricados pela Comissão e representantes presentes. Entretanto, diante do grande número de licitantes interessados na presente licitação e da necessidade de tempo hábil para verificação criteriosa dos documentos de habilitação por parte dos membros da CPL, foi procedida a suspensão do certame para devida apuração dos licitantes habilitados e inabilitados. A conferência dos documentos deve ocorrer durante essa semana. O Edital da Concorrência 01/2014, foi publicado em janeiro deste ano, a fim de conceder 111 permissões, por 10 anos, para que os mototaxistas possam trabalhar no município. A permissão é em caráter pessoal e intransferível, sendo que cada mototaxista pode cadastrar apenas um veículo.

Governo do Estado libera R$5 milhões para obras em Monlevade

Foto: Acom/PMJM Recursos serão utilizados no novo cemitério e na Avenida Alberto Lima O Prefeito de João Monlevade, Teófilo Torres, e o Secretário Municipal de Obras, Fabrício Lopes, foram recebidos na última semana pelo Secretário do Estado de Governo de Minas Gerais, Danilo de Castro. O objetivo do encontro foi o de confirmar o repasse de recursos, pelo Governo do Estado, para a execução de obras do novo cemitério e para a revitalização da Avenida Alberto Lima. Os projetos foram orçados em R$ 570 mil e R$ 4,5 milhões, respectivamente, e a previsão é de que as verbas sejam liberadas no próximo mês. Após a disponibilização dos recursos, o município dará início aos processos licitatórios para realização das obras.

Vale encerra a oferta de R$ 1 bilhão em debêntures de infraestrutura

A Vale informa que encerrou a oferta de debêntures de infraestrutura. Inicialmente, a Vale esperava levantar R$ 750 milhões com a oferta, mas elevou a emissão para R$ 1 bilhão devido à demanda pelo papel. As debêntures serão atualizadas monetariamente e pagarão juros anuais, precificados a IPCA + 6,46% ao ano (equivalente a NTN-B 2020 - 0,15%), IPCA + 6,57% ao ano (equivalente à NTN-B 2022 - 0,10%), IPCA + 6,71% ao ano (equivalente à NTN-B 2024 + 0%) e IPCA+6,78% ao ano (equivalente à NTN-B 2030 + 0%), e vencimentos em 2021, 2024, 2026 e 2029, respectivamente. Considerando o valor total da oferta, aproximadamente 90% da oferta foi alocada para o segmento de investidores pessoas físicas, que contou com um total de 4.100 investidores. As debêntures receberam classificação de risco brAAA pela Standard & Poor's Rating Services, Aaa.br pela Moody's Investor Services, e AAA(bra) pela Fitch Ratings. As debêntures são obrigações sem garantias e serão pari passu a todas as obrigações da Vale de natureza semelhante. A Vale utilizará os recursos líquidos dessa oferta para investimentos relacionados aos projetos de infraestrutura da Companhia considerados prioritários, nos termos do artigo 2º da Lei n.º 12.431, de 24 de junho de 2011, conforme alterada.

Ação para os grupos de convivência

Foto: Acom/PMJM Dia de lazer foi promovido no Floresta Clube, em João Monlevade, para grupos da ESF Novo Cruzeiro Na última sexta-feira, 14, a Prefeitura de João Monlevade, por meio da Secretaria Municipal de Saúde e da Equipe de Estratégia da Família do bairro Novo Cruzeiro, juntamente com os fisioterapeutas Flávio e Lilian, promoveu uma ação para integrar os grupos de convivência da terceira idade, hipertensos, diabéticos e o grupo de coluna, proporcionando um dia de lazer no Floresta Clube. Sob o lema “Todos nós temos uma criança dentro da gente e não podemos esquecer isso nunca”, profissionais e pacientes puderam se integrar e descontrair com várias atividades recreativas.

São Gonçalo recebe representes do Médio Piracicaba para debater cultura regional

Foto: Acom/PMSGRA O município de São Gonçalo do Rio Abaixo sediou, nesta sexta-feira (14), o 1º Encontro do Circuito Vieira Servas. O evento ocorreu no Centro Cultural e reuniu representantes de várias cidades que discutiram assuntos que contribuem para o resgate e desenvolvimento cultural na microrregião do Médio Piracicaba. O prefeito de São Gonçalo do Rio Abaixo, Antônio Carlos Noronha Bicalho, deu boas vindas aos participantes e avaliou o evento. “É muito importante resgatar e preservar a cultura. Tanto São Gonçalo quanto várias cidades da região tem muito o que mostrar e estamos sempre dispostos a atuar no trabalho de equipe”. O encontro é organizado pela UFMG, em parceria com o Instituto Estadual do Patrimônio, Histórico e Artístico (Iepha), Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Fundação Rodrigo Melo Franco e Associação dos Municípios da Microrregião do Médio Piracicaba (Amepi). O evento visa fomentar a cultura na região e, por meio de encontros itinerantes e mensais, integrantes do circuito irão elaborar e executar projetos que promovam o desenvolvimento cultural na região. Resgate da imagem do entalhador e escultor português Francisco Vieira Servas, também integram o plano de ação do circuito. Servas foi artista barroco nascido em Portugal e falecido em São Domingos do Prata que deixou obras de expressão em cidades como Mariana,Catas Altas,Nova Era, Sabará e São Gonçalo do Rio Abaixo. Ao final do evento, participantes promoveram visita à Igreja Matriz já que o altar mor e dois altares laterais do templo religioso são atribuídos ao artista português.

Livro é lançado com recursos da Lei Municipal de Incentivo à Cultura em São Gonçalo

Foto: Acom/PMSGRA A escritora são-gonçalense Helena Lopes Pinto Coelho lançou, na quarta-feira (12), o livro infanto-juvenil “A chuva que se recusava a chover”. A publicação é fruto de patrocínio de Lei Municipal de Incentivo à Cultura e foi apresentada a centenas de alunos do município no auditório do Centro Cultural São Gonçalo do Rio Abaixo. O município se destaca como uma das cidades de Minas Gerais que mais investe em cultura. A lei municipal de inventivo permite que o Executivo invista até 1% da renda tributária em diversas atividades como literatura, teatro, música, dança, etc. Em “A chuva que se recusava a chover”, Helena Lopes trata da conscientização da preservação ambiental, onde é feita uma comparação entre meio ambiente preservado antigamente e as consequências da má intervenção do homem na natureza. A escritora Helena Lopes avalia que o incentivo cultural contribui para revelar talentos em São Gonçalo e destaca a importância da lei municipal. “Com recursos próprios dificilmente eu teria lançado este livro. Todo mundo tem uma história pra contar e agora sinto-me motivada para apresentar novos projetos”, revela.

Prefeito de São Gonçalo realiza primeira reunião gerencial de 2014 e define plano de ação

Foto: Acom/PMSGRA O prefeito de São Gonçalo do Rio Abaixo, Antônio Carlos Noronha Bicalho e seu vice, Eduardo Fonseca, realizaram na manhã desta quinta-feira, 13, junto aos secretários municipais, a primeira reunião gerencial de 2014. O encontro contou com a presença do ex-prefeito do município, Raimundo Nonato Barcelos (Nozinho), oportunidade em que cada secretário relacionou as principais realizações até então feitas em cada área e o prefeito apresentou o Plano de Ações e Obras do governo para 2014/2015, que será divulgado em março. Em São Gonçalo, as reuniões gerenciais acontecem na primeira quinzena de cada mês, quando a equipe de secretários e assessores faz um relato das atividades dos trinta dias anteriores e acertam com o Chefe do Executivo o planejamento das ações seguintes, tendo sempre como base o Plano de Governo da campanha eleitoral e o resultado do Programa Prefeitura Presente, quando o governo esteve nos bairros e localidades em 2013 para ouvir os moradores.

Prefeitura de São Gonçalo inaugura quadra na comunidade de Martins

Foto:Acom/PMSGRA


A Prefeitura de São Gonçalo do Rio Abaixo inaugurou, na noite dessa quarta-feira (12), a quadra de esportes construída na comunidade de Martins. O novo espaço permitirá aos moradores mais opções de lazer, práticas esportivas e eventos. Dezenas de pessoas prestigiaram a solenidade e os discursos das autoridades. O prefeito Antônio Carlos Noronha Bicalho destacou a qualidade da obra e a sua importância para toda a comunidade. Ele também destacou o diálogo com os moradores através do programa Prefeitura Presente e anunciou mais benfeitorias na comunidade. “Viemos até a comunidade colher os anseios da população e dentro dos próximos dias iniciaremos algumas ações, entre elas a construção e reforma de casas populares que serão licitadas em março”. A quadra recebeu o nome de José Oliveira Figueiredo (Sr. Zezé), já falecido. Uma homenagem ao homem que prestou, durante a sua vida, relevantes serviços à comunidade de Martins. O investimento para construção da quadra totalizou cerca de R$ 500 mil, com recursos próprios do município. O espaço é composto por arquibancada, iluminação, cerca, alambrados e tela de nylon para proteção superior. A quadra possui 36 por 27 metros e tem demarcações para que os moradores pratiquem futsal, vôlei, entre outros esportes. Após a solenidade houve partida comemorativa entre os Amigos de Martins e Amigos de São Gonçalo.

Instituto CENIBRA promove desenvolvimento integrado

A CENIBRA colabora permanentemente com as Prefeituras dos municípios da região, oferecendo recursos técnicos, materiais e humanos para a manutenção de infraestrutura pública e reforma de estradas vicinais de responsabilidade pública municipal, contribuindo diretamente para o tráfego regular e a continuidade dos processos econômicos regionais. Em 2013, o Instituto CENIBRA viabilizou investimentos na infraestrutura da região de Açucena. Com a doação de 300 toneladas de escória, o Instituto contribuiu para melhorar as estradas que antes estavam comprometidas em virtude das chuvas fortes e garantiu mais segurança aos motoristas que trafegam pela região. O Instituto também realizou adequação da delimitação da área de preservação permanente de propriedade da Empresa; fato que diminuiu as chances de uma contaminação do reservatório que abastece a comunidade de Pompeu. Além disso, em Açucena, houve a transição da destinação de resíduos do município para um aterro controlado, viabilizado com cessão de área da CENIBRA e feito com disponibilização de escavadeira e caminhão basculante para abertura de valas e recobrimento dos resíduos sólidos. “Comprometido em estreitar os laços e manter um relacionamento positivo e integrado com as comunidades em que está inserido, O Instituto atendeu no ano passado 269 das 397 solicitações de entidades regionais em 2013. Foram doações, intervenções de infraestrutura e contato com lideranças, conforme norma da Empresa para atendimento à comunidade”, afirma Leida Hermsdorff Horst Gomes, Coordenadora de Comunicação Corporativa e Relações Institucionais, também responsável pelo Instituto CENIBRA. Dos quase R$ 390 mil viabilizados com os atendimentos, aproximadamente R$ 290 mil foram destinados para construção de pontes, patrolamento de estradas e materiais de construção, contemplando solicitação de 49 instituições. O Instituto também beneficiou 20 entidades com a doação de 52 computadores, que foram utilizados em escritórios e para a criação de oito escolinhas de inclusão digital. Além das solicitações atendidas, o Instituto CENIBRA realizou campanhas e iniciativas que beneficiassem as comunidades, como o Torneio da Solidariedade, que arrecadou 4.500 kg de alimentos para serem doados, e a arrecadação de recursos para o Fundo para a Infância e Adolescência (FIA) conseguiu a destinação de recursos no valor de R$ 490.123,08 em 2013.

Início das atividades do Adolescentes que Valem Ouro

Foto: Acom/PMJM As secretarias municipais envolvidas no Projeto da Prefeitura de João Monlevade trabalham para retomar as atividades, iniciadas em 2013, e ampliar o atendimento na cidade O Projeto “Adolescentes que Valem Ouro”, desenvolvido pela Prefeitura de João Monlevade, por meio das secretarias de Educação, Esportes e Lazer, Saúde e Assistência Social, desde o ano passado, está sendo planejado para que as atividades previstas para 2014 sejam iniciadas nos próximos dias. A expectativa da Administração Municipal é a de aumentar o número de bairros atendidos, oferecendo, desta forma, mais oportunidades para a prática do atletismo pelos adolescentes. Atualmente, o Projeto realiza suas atividades no Estádio Luis Ensch, com transporte e lanche oferecidos pela Prefeitura. Está sendo programada ampla divulgação do projeto nas escolas públicas do município, localizadas na área de atendimento, a fim de que mais adolescentes possam conhecer a iniciativa e, assim, participarem das atividades desenvolvidas. Um dos objetivos do programa é interpretar o processo de formação esportiva, partindo da concepção de mundo das crianças e tendo em conta os aspectos biológicos, psíquicos, sociais, históricos e pedagógicos que determinam o desenvolvimento do atletismo e da educação física como áreas esportivas, além de formar entre os adolescentes o hábito da prática do esporte, fomentando o amor e o respeito à pátria e a importância do empenho em busca de um comportamento social de acordo com os princípios da nossa sociedade. O trabalho é planejado com uma proposta de formação integral, na qual o desenvolvimento dos alunos nas provas é direcionado por uma formação multilateral, ou seja, todos passam por todas as provas sem se especializar-se, seguindo desta forma o que há de mais moderno em formação esportiva. Todo trabalho é conduzido com muito critério para não queimar etapas na construção motora dos alunos envolvidos. No ano passado, cerca de 100 adolescentes, com faixa etária entre 11 e 14 anos, das regiões do Novo Cruzeiro, Estrela Dalva e Nova Monlevade, além dos bairros Promorar, Loanda e Laranjeiras foram atendidos. São priorizados aqueles de camadas mais carentes e oriundos de escolas públicas, dando oportunidade ao enquadramento e ascensão social dos selecionados. As atividades são desenvolvidas pelo professor de Educação Física e coordenador do projeto, André Magalhães Queiroz, da Secretaria Municipal de Educação, e pelo monitor, Celso Clemente, da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer. Os adolescentes passam, ainda, por acompanhamento médico, realizado pela Secretaria Municipal de Saúde, e apoio de psicólogos e assistentes sociais, disponibilizados pela Secretaria Municipal de Assistência Social.

Aulas de Tai Chi Chuan com grande participação da comunidade

A Prefeitura de João Monlevade, através da Secretaria Municipal de Esportes, disponibiliza para a população aulas de Tai Chi Chuan na Academia ao Ar Livre, localizada no final da Avenida Castelo Branco, no bairro República. Grande público tem aderido à prática, que tem suas raízes na China e é um estilo de arte marcial, reconhecido também como uma forma de meditação em movimento. As aulas, comandadas pelo mestre Grijó, são gratuitas e abertas à comunidade todas as terças e quintas-feiras, de 7 às 8 horas, e às segundas e quintas-feiras, de 20 às 21 horas. Atualmente, o Tai Chi Chuan Ele é uma arte praticada no mundo todo e apreciado no ocidente, especialmente por sua relação com a meditação e com a promoção da saúde, oferecendo, aos que vivem no ritmo veloz das grandes cidades, uma referência de tranquilidade e equilíbrio.